WO? Amadorismo explícito numa divisão de elite no futebol brasileiro

Cuiabá ganha por WO, após jogadores do Figueirense não entrarem em campo

Por Harlis Barbosa 21/08/2019 - 09:25 hs

WO? Amadorismo explícito numa divisão de elite no futebol brasileiro
imagem web

 

Arena recebe partida entre jogadores do Cuiabá e Figueirense, que decidiram não jogar

Os jogadores do Figueirense decidiram não entrar em campo. Em reunião entre os atletas antes da partida marcada para as 20h30min (horário da Capítal) desta terça (20), contra o Cuiabá, ficou estabelecido que eles não estarão na Arena Pantanal para a realização da partida pela Série B do Campeonato Brasileiro. As exigências feitas no último sábado não foram cumpridas pela diretoria e os jogadores que estão em Cuiabá (MT) ficaram no hotel da concentração para a partida. O comunicado foi feito por meio do advogado do grupo alvinegro, Felipe Rino.

Os atletas fizeram votação e decidiram pelo WO. Tomada a decisão, eles voltaram aos quartos do hotel e aguardam o embarque de volta a Florianópolis nesta quarta-feira. Apenas a comissão técnica vai ao local da partida nesta terça-feira. Até o momento, o Figueirense não se pronunciou sobre a decisão dos atletas.

Às 18h40min, 25 minutos depois do horário estimado para a saída da delegação do hotel, o ônibus aguardava pelos atletas. O diretor de futebol Antônio Lopes estava diante do veículo ainda esperançoso que os atletas embarcassem rumo à Arena Pantanal.

"Estamos esperando. Está correndo reunião entre eles (atletas e comissão técnica). O posicionamento dos jogadores até agora é que eles não querem ir", disse o dirigente.

Entre as principais exigências dos atletas à diretoria estão: os pagamentos dos salários e direitos de imagem em atraso e a garantia de que não haverá retaliação por conta do movimento, como rescisão de contrato e demissão por justa causa até o final da Série B. A diretoria prometeu, em nota, sanar dívidas com o elenco até o dia 28, ratificado pelo termo de compromisso assinado com os conselhos do clube. Os jogadores estabeleceram que o prazo para quitar débitos ia até esta terça-feira.

Sem o Figueirense em campo, o árbitro Patricio Wallace Correa Maia terá por protocolo aguardar por 30 minutos a presença da equipe visitante no gramado da Arena Pantanal. Passado o prazo, com o Cuiabá apenas em campo, será autorizado início da partida e um toque na bola da time presente é o basante para configurar o WO.

A saída do hotel estava prevista para as 18h15. Mais cedo, ainda no decorrer da tarde, profissionais de apoio foram ao local da partida para levar materiais e uniformes. Pairava a dúvida se o Figueirense estaria em campo. O diretor de futebol Antônio Lopes, na manhã desta terça, confiava na presença do time no gramado. Os conselheiros do clube, na véspera, fizeram apelo para que o Figueira não sofresse o WO. No entanto, os atletas mantiveram a palavra e sequer foram à Arena Pantanal.

Desta forma, o Cuiabá será declarado vencedor por 3 a 0. Além disso, conforme o artigo 203 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) o Figueirense pode ser multado em até R$ 100 mil. Em caso de um segundo WO nesta Série B, o clube será excluído do campeonato e, por consequência, rebaixado.

Às 20h30 - Figueirense não entra em campo

Os atletas do Figueirense estão na Arena Pantanal e exigem da diretoria do Clube o compromisso do depósito dos salários e direitos de imagem até o dia 28 com pena de afastamento dos dirigentes em caso de descumprimento. Caso contrário, não entrarão em campo e o WO será confirmado. Pelo regulamento, a arbitragem aguarda até às 21h que pelo menos sete atletas entrem em campo antes de dar a partida por encerrada declarando a vitória do Cuiabá

Às 21h - Arbitragem confirma WO

Ônibus com delegação do Figueirense deixa Arena Pantanal e arbitragem confirma WO. Cuiabá vence time catarinense por 3x0. Torcedores vaiam decisão.

Fonte RD NEWS